A Irmã Maria de Fátima Grossi, pertencente a comunidade Orionita, missionária em Cabo Verde - África, Ilha de Santo Antão, cadastrou-se na "Campanha dos Remédios" que segundo seu relato:
"Aqui [Cabo Verde] temos necessidade de tudo, se sobrevive com o mínimo.
No momento estamos precisando com muita urgência de "vitamina E" não encontramos aqui e se tivéssemos não teríamos recursos para comprar."

Ir. Fátima
No momento estamos para contatar com a embaixada de Cabo Verde a fim de agilizar e criar uma ponte ágil entre a campanha dos remédios e nossos irmãos Africanos.
A imagem do Elefante carregando remédios em países extremamente pobres, metáfora que costumo dizer nas palestras, inspirado no trabalho de Madre Tereza, parece começar a dar seus primeiros sinais de se tornar uma realidade.